Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 2 de outubro de 2010

Desabafo

Não sei porque algumas pessoas ainda me olham. Não sei porque alguns ainda falam comigo. Eu não me interesso mais por ninguém. Nem por mim mesmo. E quem é que se importa com alguém ? Quem é que se importa com a minha depressão ?
Em tudo e em todos (as) que eu tentei voltar atrás, ou estabelecer algum contato, alguma normalidade de relação, deu errado. À Todos que eu liguei de madrugada por querer ouvir alguma voz, ou um mísero oi por msn, deu errado, e aliás obrigado pela educação em responderem meu oi, ou atenderem o telefone, obrigado até mesmo por fingirem algo que insinuasse o interesse em conversar comigo.

Enfim, me tornei um ridículo, um escroto, alguém que mereceu ser esquecido.

hahahaha olha só, eu desabafando em um blog que as pessoas nunca leram, ou só entram por curiosidade, ou por ser a minha atualização do orkut, que nunca gostaram do que eu escrevi ou disseram que eu escrevia bem por segundas intenções. O que acontece é que meu blog é cego, surdo, mudo, não tem reações, e só assim me sinto compreendido, ouvido. Só assim ainda me sinto alguém.

Minha baixo-estima se ridicularizou, me sinto a pessoa mais feia do mundo, e é horrível ligar pra isso, e principalmente se sentir assim. A minha timidez me impede cada vez mais com que eu seja eu mesmo, e que minhas vontades permaneçam sendo apenas vontades.

Eu odeio tudo o que eu fiz. Eu odeio quem eu me tornei. Odeio principalmente ter descoberto que as coisas que eu fiz não são legais, não me fizeram bem, e me fez perder quem gostava ou pelo menos tinha um mínimo interesse em mim. é horrível ter que carregar uma culpa e ter que se conformar com a realidade. É horrível estar no fundo do poço e não querer sair vivo. É horrível querer muito cometer suicídio.
Lamento muito tudo isso, principalmente aos meus pais, que nunca mereceram quem eu fui por trás deles.

Tudo o que eu tinha e acreditava não ter valor, se foi, fazendo eu perceber o engano em relação a não ter valor. Eu escolhi viver acreditando que o tempo nunca passaria, mas ele passou. Eu nunca liguei pro futuro, e hoje olhando pro passado, eu me arrependo amargamente por isso.
Eu me auto-destrui, fiz minha vida se tornar uma experiência, sendo meu corpo a cobaia.

Eu gostaria que todos que me conhecem lessem isso, mesmo eu não me importando se vão ler ou não. E eu nem ligo se não dão a mínima. Eu só preciso desabafar, nem que for com as paredes e com meu amigo imaginário.

Pra quem me considera um amigo. Pra quem diz ser meu amigo. Pra quem ainda se importa comigo de verdade. Desculpa. Pois eu lamento não sentir o mesmo.

Me desculpem por eu usar meu blog pra isso. A minha vida de verdade é aqui fora. Tudo o que eu achei que eu fosse nessa porra de internet, me fez estar enganado. A vida virtual é uma merda. É a pior fraqueza e covardia de alguém. É a pior ilusão social ou moral que alguém pode ter. É tudo alucinação.

Por fim, tudo tem seu preço. Hoje eu pago pelo meu !

Um comentário:

  1. éé realmente é 'triste' ver alguem desabafando em um blog. Mas na verdade ele foi construindo (pelo menos eu acho) no intuito de você escrever o que pensa não ligando para os outros, ainda mais que diz não ter ninguem que lê seu blog.
    Eu conheço uma pessoa que já se sentiu o ser mais feio do mundo e que ninguem NUNCA iria amar-lo; porém isso passou e ele superou. Não quero te dar uma lição de moral, afinal quem sou eu para isso? Acredito que seus amigos mesmo você achando que não tem, deveriam te ajudar e te apoiar.
    No momento em que diz se arrepender de tudo que fez até hoje, e se achar ridiculo por isso; por favor não diga. Tenho QUASE a certeza em que no momento em que você riu, bebeu e se divertiu estava feliz naquela hora. Não importa se o que sente hoje é ódio dos momentos passados, mas naquela HORA você estava feliz e é isso o que importa. Nada vai voltar atras e você tem que saber lidar com as suas atitudes, não se ache a pessoa mais feia ou a mais despresada do universo HAHAH porque não é, pode estar sentindo isso agora mas depois tudo passa.
    Em um momento de sua vida, você esperou que o tempo te ajudasse e ele te deu um pé na bunda não foi? Esperou que as pessoas em sua volta se importassem mais com você; do mesmo momento em que esperou o tempo curar e ele não curou, espere o tempo de novo e vê o isso tudo vai dar. Se já perdeu tudo, então arrisca, não tem o mais o que perder certo?

    ResponderExcluir